Skip to content

Pesquisa

Compartilhe

A expedição desse ano também apoia pesquisadores que tem a oportunidade de fazer um trabalho a campo em condições que dificilmente seriam alcançadas. Na area médica, um oncologista estuda a incidência de câncer na população pelo caminho; uma engenheira faz levantamento da água consumida no Pantanal; um veterinário, especialista em ovinocultura busca a origem do ovino pantaneiro, raça que exista há mais de 400 anos na região e traz características genética únicas que os tornam mais resistentes. A viagem ainda apoio o Projeto Arara Azul fazendo o registro de avistamentos das aves pelo caminho.